Fake News: saiba como se proteger das notícias falsas


A partir do encontro realizado com jornalistas da capital, para debater o tema proposto pelo 52º Dia Mundial das Comunicações, celebrado em 13 de maio, foram definidas algumas ações de comunicação. O objetivo da Arquidiocese é contribuir na orientação de seus fiéis, com relação ao que é disseminado nas redes sociais digitais, seguindo a temática deste ano para a data: "Fake News e Jornalismo de Paz".

Participaram do "Diálogos da Igreja Católica com a Mídia": Affonso Ritter, colunista do Jornal do Comércio, Paulo Germano, Zero Hora, Márcia Christofoli, publisher de Coletiva.net, Josmar Leite, RBS TV, Alexandre Gadret, Rede Pampa de Comunicação, Mônica Rossi, SBT RS, Grace Becker e Ana Tartoratti, representantes da Pastoral da Comunicação (Pascom de Porto Alegre), o Arcebispo Metropolitano Dom Jaime Spengler e o bispo auxiliar referencial para a Comunicação Dom Leomar Brustolin.

Uma ação já teve início: divulgar serviços de conferência que ajudem a desfazer mitos e mentiras. Confira alguns desses serviços (clique no nome para ir até a página):

- Fumaça Branca: Diariamente a Igreja Católica, seu clero e adeptos são vítimas de mensagens caluniosas ou de inverdades que afetam diretamente às suas vidas. Com o intuito de contribuir com a propagação de mensagens verdadeiras, bem como combater às Fake News (mensagens falsas) é que surge a Agência de Informação Fumaça Branca. Com a supervisão de assessores de imprensa e jornalistas atuantes nas mais diversas (Arqui) Dioceses, Congregações, Movimentos e Institutos Católicos do Brasil, a Fumaça Branca prima por um modelo de comunicação simples e direto.

- Agência Lupa: Primeira agência de notícias do Brasil a se especializar na técnica jornalística mundialmente conhecida como fact-checking. Desde 2015, acompanha o noticiário de política, economia, cidade, cultura, educação, saúde e relações internacionais para corrigir informações imprecisas e divulgar dados corretos. O resultado desse trabalho é vendido a outros veículos de comunicação e também publicado no próprio site da agência.

- Filtro: Iniciativa de fact-checking da ONG Pensamento.org para verificação de fatos, dados e declarações públicas, com foco no Rio Grande do Sul. - E-Farsas: Com a intenção de usar a própria internet para desmistificar as histórias que nela circulam, o E-farsas.com nasceu no dia 1 de abril de 2002.

- Aos Fatos: Diariamente, jornalistas de Aos Fatos acompanham declarações de políticos e autoridades de expressão nacional, de diversas colorações partidárias, de modo a verificar se eles estão falando a verdade.

- Boatos.org: Espaço criado em 2013 para compilar algumas das mentiras que são contadas online. A intenção é prestar um serviço para o usuário da internet. O Boatos.org é atualizado diariamente por uma equipe de jornalistas.

Algumas contribuições dos jornalistas presentes no encontro:

"O produto do jornalismo não é mais informação, é credibilidade." Paulo Germano - Zero Hora

"Me preocupa os jornalistas comprarem as fake news.

O que vale a pena publicar?

Sempre preferimos punir do que prevenir."

Márcia Christofoli - Coletiva.net

"A hegemonia de poucas redes de veículos me preocupa muito. O samba de uma nota só." Affonso Ritter - Jornal do Comércio

"Todos são comunicadores e não estão preparados.

Antes os sites eram toscos. Hoje em dia, são sites iguais aos outros."

Mônica Rossi - SBT RS

"Este é o momento de separar um veículo sério dos demais."

Alexandre Gadret - Rede Pampa de Comunicação

"O jornalismo mal feito ainda é jornalismo. Isso não é fakenews."

Josmar Leite - RBS TV

-----

É preciso saber se informar

O jornalista e Doutor em Comunicação, Moisés Sbardelotto, produziu conteúdo que integra o subsídio disponibilizado pela CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) para celebração do 52º Dia Mundial das Comunicações Sociais (DMCS), e oferecido a todos os profissionais de mídia, agentes da Pastoral da Comunicação, entre outros interessados. Nele, o especialista propõe três formas de saberes: saber escolher, saber ler, saber escrever.

O material completo está disponível para download.

#fakenews #encontrocomamídia #jornalistas #jornalismodepaz

Cúria Metropolitana

Rua Espírito Santo, 95

Bairro Centro Histórico 

CEP 90010-370 | Porto Alegre | RS

       51 3228.6199

Residência Episcopal

Vigário geral

Chancelaria

Arcebispado

Arquivo histórico

Batistério

Tutela de menores

Ascom

Tribunal Eclesiástico

ACESSE TAMBÉM

Centro Administrativo

Av. Sertório, 305

Bairro Navegantes
CEP 91.020-001 | Porto Alegre | RS

51 3083.7800

Administrativo

Departamento Pessoal

Jurídico

Financeiro

Contabilidade

Fraterno Auxílio

Patrimônio

T.I.

Obras

Servus

O Dia do Senhor

Loja Centro de Pastoral

© 2020 por ASCOM para Arquidiocese de Porto Alegre