Campanha da Fraternidade 2020: acesse os materiais oficiais


Neste ano, a Campanha da Fraternidade (que inicia com a Quaresma, na Quarta-feira de Cinzas, dia 26 de fevereiro) nos convida a olhar, de modo mais atento e detalhado, para a vida. A proposta foi inspirada pelo lema “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10,33-34). O trecho, extraído da Parábola do Bom Samaritano, encoraja, a partir de Jesus Cristo, a servir com espírito de humanidade, cuidado e amor para com o próximo, sementes de fraternidade.

Uma das representações de “bom samaritano dos nossos tempos” é a Santa Dulce dos Pobres, o Anjo Bom da Bahia. Por isso, sua imagem é apresentada em perspectiva de destaque no cartaz da CF. Na ilustração, as pessoas que a cercam simbolizam uma população vulnerável, que clama por vida em plenitude. É possível perceber também a pluralidade que engloba diferentes faixas etárias, etnias e outras particularidades típicas de uma população multicultural, em um país com dimensões continentais como o Brasil.

O cenário escolhido para a composição do desenho foi o bairro do Pelourinho, localizado na capital do estado da Bahia, Salvador, berço de nascimento de Santa Dulce, representação de um Brasil de tantos lugares e culturas. As pessoas estão na rua, área comum de encontro e convívio, mas também onde se vivenciam dores e angústias.

Na arte, como explica o texto-base, foi aplicada a técnica de mosaico. Nela, cada peça desempenha um importante papel para a formação completa do desenho. “De modo mais evidente, a composição expressa a viva unidade na diversidade de dons e serviços que nos animam a construir uma sociedade mais sensível e comprometida com as necessidades de nossos irmãos e irmãs e de todo o planeta”, aponta o texto-base.

Subsídios

Para partilhar os estudos e conhecimentos e assim, favorecer os grupos, movimentos, pastorais, paróquias, áreas pastorais em seus estudos, aprofundamentos e definições de ações com relação à Campanha da Fraternidade 2020, uma série de materiais foi produzido.

O Hino Oficial da Campanha da Fraternidade 2020 é o primeiro subsídio importante. Ele é a expressão musical da mensagem que se quer passar por meio do tema e do lema da Campanha – Fraternidade e Vida: Dom e Compromisso / "Viu, sentiu compaixão e cuidou dele" (Lc 10,33-34). Com animação em vídeo, o convite é para assistir e refletir sobre o significado mais profundo da vida em suas diversas dimensões: pessoal, comunitária, social e ecológica. A letra é do padre José Antônio de Oliveira e a música, de Gilson Celerino.

Outra indicação é um refrão meditativo, que pode ser usado em diversos momentos das celebrações litúrgicas, novenas, leituras orantes e demais encontros. A autoria da letra e música é de Leonardo Damasceno. Visualize aqui a partitura e, abaixo, acesse o áudio (clicando com o botão direito do mouse sobre o botão "play", é possível fazer o download do arquivo).

Produzidos em parceria com a editora da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e a Edições CNBB, os seguintes materiais também podem ser adquiridos no site oficial da instituição:

O livro para os encontros catequéticos para crianças e adolescentes, por exemplo, é uma oportunidade para abordar e discutir o tema e o lema da CF 2020 com as crianças e os adolescentes das muitas comunidades espalhadas pelo nosso país. Cada comunidade tem seu ambiente próprio, onde certos problemas sociais estão mais presentes. Diante disso, podem ser feitas muitas adaptações nas tarefas propostas e no modo de abordar o tema.

Já o subsídio “Jovens na CF” é indicado especificamente aos grupos de jovens, idealizado para ampliar o diálogo sobre a superação da violência com o objetivo de encorajar o comprometimento desse importante público nas questões apresentados pelo tema e lema da Campanha da Fraternidade 2020.

O “Círculos Bíblicos” é ideal para que as pessoas se reúnam em pequenos grupos e assim, inspirados nas Sagradas Escrituras, façam uma reflexão quaresmal e uma reflexão sobre a Campanha da Fraternidade. O livro é dividido em cinco encontros, um para cada semana da Quaresma, cuja centralidade está na Palavra de Deus.

A “Vigília Eucarística” é uma publicação que sugere dois roteiros para celebrações: o primeiro oferece um momento de Adoração, uma Vigília diante da Eucaristia e o segundo é um roteiro para uma Celebração Penitencial.

O “Retiro Popular da Quaresma” quer ser um retorno às fontes cristãs para transformar este rico período em um grande retiro, no qual pessoa, comunidade e sociedade se articulem, em um processo de conversão, para a busca da vida plena. A proposta com esse Retiro é que se faça um tempo semanal de oração comunitária, de oração pessoal e um calendário de atividades e exercícios de santificação para todos os dias da quaresma.

(Edição: Regional Sul 3 da CNBB e Ascom da Arquidiocese de Porto Alegre)


Cúria Metropolitana

Rua Espírito Santo, 95

Bairro Centro Histórico 

CEP 90010-370 | Porto Alegre | RS

       51 3228.6199

Residência Episcopal

Vigário geral

Chancelaria

Arcebispado

Arquivo histórico

Batistério

Tutela de menores

Ascom

Tribunal Eclesiástico

ACESSE TAMBÉM

Centro Administrativo

Av. Sertório, 305

Bairro Navegantes
CEP 91.020-001 | Porto Alegre | RS

51 3083.7800

Administrativo

Departamento Pessoal

Jurídico

Financeiro

Contabilidade

Fraterno Auxílio

Patrimônio

T.I.

Obras

Servus

O Dia do Senhor

Loja Centro de Pastoral

© 2020 por ASCOM para Arquidiocese de Porto Alegre