Nossa Senhora de Belém apresenta igreja após grande reforma

A partir deste final de semana, será natural entrar na pequena igreja dedicada à Nossa Senhora de Belém, no bairro Belém novo, em Porto Alegre, e ficar com o olhar preso em cada novo detalhe da reforma e decoração artística do templo, apresentadas à comunidade paroquial em meio às festividades de 144 anos da paróquia, nestes das 6 e 7 de novembro.


Mas o que a beleza da arte e da arquitetura tem a ver com o transcendente, o sagrado e a liturgia?


"No belo das pinturas, dos símbolos, dos detalhes somos convidados a contemplar a beleza suprema: o Eterno, Deus. As cores, figuras, móveis, luzes, tudo nos recorda a beleza original quando Deus viu que tudo era muito bom! Esta beleza salva, pois nos recorda que um mundo belo é possível", recordou Dom Jaime Spengler, arcebispo metropolitano, em sua homilia da celebração eucarística que inaugurou o novo interior da igreja.
"A beleza que estamos contemplando só se justifica pela resposta que damos à pergunta de Jesus: 'e vós, quem dizeis que eu sou?'", assinalou Dom Jaime, ao se referir à liturgia deste domingo.

Com estilo neogótico -- padrão artístico ocorrido no século XIX e começo do século XX, trazendo de volta as características do estilo gótico da última fase da Idade Média (século XII-XIV) na Europa -- o presbitério (espaço ocupado pelo altar nos templos católicos) da igreja Nossa Senhora de Belém foi apresentado à comunidade neste sábado (7), com a bênção inaugural de Dom Jaime Spengler, e no domingo (8), com a visitação controla de toda a comunidade.


"Jubilosa está a comunidade paroquial por esta etapa de reforma do templo. Construímos uma ‘pequena catedral’ em meio a uma pandemia e a consequente diminuição dos recursos", comemorou o padre Tiago Francesco Escouto, pároco e um dos responsáveis pelo projeto.
"Que este belo presbitério sirva para a maior glória de Deus e santificação dos fiéis. Nele, deixo meu coração, e o sonho de um dia ver esta igreja histórica toda decorada com a imponência do estilo neogótico”, concluiu ele.

Com execução no período de setembro de 2019 a setembro de 2020 (houve interrupção de 55 dias devido à pandemia) a Comissão contou com o projeto do arquiteto sacro Ermindo Schuh e do padre Tiago, e a execução ficou a cargo da empresa ARS Restaurações, de Salvador do Sul (RS), tendo por mestre da obra, André Westhauser e quase uma dezena de auxiliares diretos e indiretos. No conjunto artístico, destaca-se a pintura do Mural do Cordeiro, Anjos e Letreiro do Arco, realizada pelo artista gaúcho Velcy Soutier. Fazem parte do projeto, ainda, a pintura do Resplendor do Divino Espírito Santo, também de Velcy Soutier e André Westhauser, e o crucifixo neogótico suspenso, do arquiteto sacro Cristtiano Fabris.


"Agradeço a todos os artistas e benfeitores que colaboraram na execução do projeto e, sobretudo, a toda a comunidade paroquial que se empenhou no limite das suas possibilidades para fosse possível este sonho de ter um ambiente ainda mais adequado para celebrar melhor a presença de Deus na comunidade de Belém", registrou o padre Tiago.

Nossa Senhora de Belém é a quinta paróquia a ser fundada na Arquidiocese de Porto Alegre, destacando-se como a terceira mais antiga igreja com a construção original de Porto Alegre, com pedra fundamental lançada em 1876. Ela é precedida apenas pelas igrejas Nossa Senhora do Rosário, Nossa Senhora da Conceição e Nossa Senhora das Dores, todas no Centro Histórico da capital. Ela fica localizada à Av. Heitor Vieira, 494, no Bairro Belém Novo. A visitação à igreja poderá ser feita de segunda a sábado, em horário comercial, ou antes e durante as missas.


Abaixo, confira a apresentação do conjunto de elementos que foram inaugurados sob a bênção de Dom Jaime Spengler:


Cadeira: "Amados irmãos, louvemos a Deus nosso Senhor, que se digna estar presente em seus ministros, dedicados aos deveres sagrados, por meio deles ensinando, governando e santificando os fieis; e peçamos a ele que faça sempre mais dignos os que exercem tão santas funções. Esta nova cadeira foi construído em madeira de Cedro rosa em estilo neogótico."


Ambão: "Este novo ambão que destinado ao uso sagrado, a fim de que seja para todos nós o sinal daquela mesa da Palavra de Deus que oferece o primeiro e necessário alimento da nossa vida cristã. Este novo ambão foi construído também em madeira de cedro rosa em estilo neogótico."


Pia batismal: "Todos os que por ela (nova pia batismal) renascerem, poderão, pela misericórdia de Deus, ingressar na Igreja, que é seu povo de particular propriedade, unir-se com Cristo, que é primogênito entre os muitos irmãos, e, finalmente, por receberem o Espirito de adoção, orar a Deus Pai com o novo titulo de filhos. Esta nova pia batismal foi construída em estilo neogótico, em madeira de cedro rosa e tampo de mármore branco."


Altar: "Este novo altar, construído em madeira de cedro rosa em estilo neogótico, contém boton com terra santa trazida de Belém da Judeia e a Pedra D'ara de Mármore com a relíquia de um santo. Esta pedra D’ara é original desta paróquia; estava perdida e foi recentemente recuperada."


Cálice: "Sobre o vosso altar, Senhor Deus, colocamos, com alegria, este cálice e esta patena, para celebrar o sacrifício da Nova Aliança. O Corpo e Sangre do Vosso Filho, que neles serão oferecidos e consumidos, torne santo este vaso precioso. Concedei, pois, Senhor, que, ao celebrarmos o sacrifício do vosso Filho, nos alimentemos na terra com os vossos sacramentos e sejamos imbuídos do vosso Espirito, até que no Reino dos céus gozemos do vosso convívio com os Santos. A vós a glória e a honra para sempre. Este novo cálice foi trazido de Roma para nossa comunidade paroquial."


Relíquia: "A paróquia recebeu, por ocasião da reforma, uma relíquia de primeiro grau, da beata Madre Barbara Maix, irmã fundadora das irmãs do Imaculado Coração de Maria, beatificada em Porto Alegre em 2010. Esta relíquia será exposta para veneração publica no altar mor."


Abaixo, relato do pintor Velcy Soutier, responsável pelos murais:

“O primeiro mural, ‘Adoração ao Cordeiro’, mede cerca de 30 metros quadrados, sobre o frontispício do presbitério, e o segundo, sob a abóboda do presbitério, com cerca de 7 metros quadrados, representando o Espírito Santo. Na Adoração do Cordeiro, em linguagem que remete ao neogótico, elaborei uma composição onde dois anjos ascendem conduzindo dois pergaminhos que citam capítulos e versículos dos evangelistas, correspondentes à Anunciação do Anjo Gabriel à Maria, o Nascimento do Menino Jesus em Belém, a Ressurreição e Ascensão de Cristo. A Paixão e Morte foi “omitida”, uma vez que o grande Crucifixo elaborado por meu colega Cristtiano Fabris, suspenso no centro do presbitério, já fala por si só. Sobre o mesmo, num grande arco em gesso construído pela ARS, pintei em inscrições góticas estilizadas, a mensagem em latim: Adoremus in aeternum Sanctissimum Sacramentum; numa tradução literal da antiga língua da Igreja: Adoremos para sempre – ou eternamente – o Santíssimo Sacramento, a Eucaristia, que se fará presente em toda Santa Missa no altar logo abaixo do conjunto artístico. Na abóboda do Presbitério, o símbolo do Espírito Santo é representado com os sete raios que descem em direção do altar. Em alusão à passagem bíblica de Pentecostes, queremos lembrar que é o Espírito Santo que guia, santifica e ilumina a Igreja. Em todo o conjunto muralístico, desenhos estilizados remetem à matriz gótica, suavizados nas linha e cores da linguagem contemporânea. Na minha pintura sacra procuro traduzir os textos religiosos em imagens de leitura fácil, procurando criar uma atmosfera de encantamento, para inspirar a elevação dos espíritos."




Cúria Metropolitana

Rua Espírito Santo, 95

Bairro Centro Histórico 

CEP 90010-370 | Porto Alegre | RS

       51 3228.6199

Residência Episcopal

Vigário geral

Chancelaria

Arcebispado

Arquivo histórico

Batistério

Tutela de menores

Ascom

Tribunal Eclesiástico

ACESSE TAMBÉM

Centro Administrativo

Av. Sertório, 305

Bairro Navegantes
CEP 91.020-001 | Porto Alegre | RS

51 3083.7800

Administrativo

Departamento Pessoal

Jurídico

Financeiro

Contabilidade

Fraterno Auxílio

Patrimônio

T.I.

Obras

Servus

O Dia do Senhor

Loja Centro de Pastoral

© 2020 por ASCOM para Arquidiocese de Porto Alegre