Novas Diretrizes da Ação Evangelizadora foram tema da Assembleia do Clero

13.11.2019

As Novas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (quadriênio 2019 a 2023) foram aprovadas em maio, pelos participantes da 57ª Assembleia Geral, em Aparecida (SP). As diretrizes propõem um retorno às fontes para olhar a experiência das comunidades primitivas e inspirados por elas formar, no hoje da história e na realidade urbana, comunidades eclesiais missionárias, conforme anunciou a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, na ocasião em Aparecida. O tema foi retomado no primeiro dia (12) da Assembleia do Clero da Arquidiocese de Porto Alegre, que segue até esta quinta-feira (14) no Seminário São José em Gravataí.

Padre Ilário Flach (Coordenador de Pastoral da Arquidiocese) iniciou a apresentação explorando os capítulos 3 e 4 da DGAE, “A Igreja nas Casas” e “A Igreja em Missão”, respectivamente, a partir do questionamento: “Para onde vamos?”. Após, o padre Adilson Correa da Fonseca (Referencial Dimensão e Caridade) abordou ações práticas para a implantação das Diretrizes. Na sua conclusão, o padre Adilson ressaltou ainda que não devemos nos deixar seduzir pela ideia de que o caminho da evangelização já está pronto. “Também não é um caminho novo, mas um jeito novo de caminhar frente aos desafios contemporâneos”, destacou. Por fim, enfatizou que as DGAE irão inspirar todas as instâncias eclesiais: comissões pastorais da conferência episcopal, regionais, Igrejas particulares, paróquias, seminários, pastorais, comunidades ambientais, movimentos, associações, novas comunidades, organismos, universidades e escolas católicas, meios de comunicação eclesiais, entre outros.

Nas Diretrizes, a casa (onde as pessoas são identificadas pelo nome, pelo jeito, onde têm história) é sustentada por quatro pilares essenciais: Palavra de Deus e a iniciação à vida cristã; O pilar do Pão que é a casa sustentada pela liturgia e sobre a espiritualidade; o pilar da Caridade que é a casa sustentada sobre o acolhimento fraterno e sobre o cuidado com as pessoas, especialmente os mais frágeis e excluídos, os invisíveis; e o pilar da Missão porque é impossível fazer uma experiência profunda com Deus na comunidade eclesial que não leve, inevitavelmente, à vida missionária.

As DGAE podem ser adquiridas pela internet (neste link), e também em livrarias católicas de seu município. A CNBB também está promovendo uma série de posts em sua página no Facebook com conteúdos relacionados ao documento e os desafios e rumos da Igreja no Brasil. Veja o primeiro clicando aqui.

 

(Fotos: Patricia Damaceno / Ascom)
 

 

 

Please reload

Cúria Metropolitana

(51) 3228.6199

Rua Espírito Santo, 95

Bairro Centro Histórico 

CEP 90010-370 | Porto Alegre | RS

Residência Episcopal

Vigário geral

Chancelaria

Arcebispado

Arquivo histórico

Batistério

Ascom

Tribunal Eclesiático

ACESSE TAMBÉM

Administrativo

Departamento Pessoal

Jurídico

Financeiro

Contabilidade

Fraterno Auxílio

Patrimônio

T.I.

Obras

Servus

O Dia do Senhor

Loja Centro de Pastoral

Centro Administrativo

(51) 3083-7800

Av. Sertório, 305

Bairro Navegantes
CEP 91.020-001 | Porto Alegre | RS

© 2019 por ASCOM para Arquidiocese de Porto Alegre